Voltar
Desafio

As religiões do mundo | Muitos povos, muitas crenças

Você sabia que é estimado que existam mais de 4.000 religiões ao redor do mundo?

Provenientes dos mais diversos tamanhos, contextos culturais e históricos, as religiões possuem diferentes perspectivas acerca da essência da vida. No recorrente nó iremos apontar quais são as maiores religiões que existem ao redor do mundo, qual é a estimativa de seguidores destas e em que recorte geográfico atuam.

 

1º Lugar: Cristianismo

1

Fonte: The Huffington Post, 2011.¹

 

O cristianismo, formado pelo conjunto de religiões que acreditam em Jesus Cristo é o Messias profetizado pela Bíblia, é uma religião abraâmica que corresponde à maioria da população mundial (cerca de 2,2 bilhões de fiéis). Dividido majoritariamente em três vertentes (Igreja Católica Romana, Protestantismo e Igreja Ortodoxa Oriental), o cristianismo remete a uma das crenças mais antigas do mundo e possui como líder mundial o bispo de Roma, o Papa.

 

2º Lugar: Islamismo

1

Fonte: The Huffington Post, 2011.¹

 

O islamismo é formado pelo conjunto de religiões que acreditam nos ensinamentos de Maomé, o profeta de Deus. Assim como o cristianismo faz o uso da Bíblia como escrito sagrado, o islamismo utiliza o Alcorão para nortear os preceitos culturais de seus seguidores muçulmanos. Apesar de ser uma religião árabe, é estimado que 1% da população norte-americana seja muçulmana, enquanto 10% da população europeia se declara como tal. Estimativas apontam que o islamismo é, atualmente, a religião que mais cresce no mundo.¹

 

3º Lugar: Secularismo

2

Fonte: The Huffington Post, 2011.¹

 

Apesar de não ser uma religião, o secularismo – termo correspondente a pessoas que se declaram sem religião ao redor do mundo – desponta em terceiro lugar com maior número de pessoas identificadas. Atualmente existem cerca de 1,1 bilhão de pessoas autodeclaradas sem religião ao redor do mundo.

 

4º Lugar: Hinduísmo

2

Fonte: The Huffington Post, 2011.¹

 

O hinduísmo ocupa o 4º lugar na lista de religiões com maior número de adeptos ao redor do mundo. É dividido em diversas religiões monoteístas e tem como país de surgimento a Índia. Trata-se de uma religião politeísta e possui vários deuses como objeto de adoração pelos seus adeptos. Atualmente é estimado que existam cerca de 900 milhões de seguidores ao redor do mundo, não limitando sua expressão geográfica ao continente asiático.

 

5º Lugar: Budismo

2

Fonte: The Huffington Post, 2011.¹

 

O budismo é uma religião indiana dividida em três grandes vertentes: theravada, mahayana e vajrayana. Foi fundado por Sidarta Gautama, o Buda, por volta do século VI a.c. Entre suas práticas e crenças mais conhecidas estão a meditação, a questão do carma – causa e efeito e a ideia do renascimento. Apesar de se tratar de uma religião asiática, o budismo foi adotado por diversas minorias ao redor do mundo e possui cerca de 376 milhões de seguidores autodeclarados.

 

6º Lugar: Religião Tradicional Chinesa

1

Fonte: The Huffington Post, 2011.¹

 

“Religião tradicional chinesa” é o termo utilizado para designar as religiões que possuem suas normas éticas e comportamentais baseados em crenças chinesas como confucionismo, budismo, taoísmo e mitologia chinesa. Ela compreende, atualmente, cerca de 400 milhões de adeptos e é manifestada majoritariamente no continente asiático.

 

Religiões médias

 

2

Fonte: Conexão CPB.¹

 

Além das maiores religiões existentes no mundo hoje, configuradas pelas 5 mencionadas acima, existem dezenas de religiões de médio porte que acumulam seguidores através dos continentes. É o caso das religiões mencionadas acima como Wicca, Neopaganismo, Espiritismo, Judaísmo, Xintoísmo, Sikshimo e as não mencionadas como Zoroatrismo, Movimento Rastafari, Seicho-no-ie e Cao Dai.

É interessante observar que as religiões mundiais, embora coexistam no mesmo tempo e espaço, foram apontadas ao longo da história como pretextos culturais para ações de guerra, ocupações territoriais e conflitos em geral. Isso ocorre porque a influência da questão religiosa é expressiva e acompanha não apenas os padrões sociais de uma população, mas também as diretrizes políticas quais esta se insere.

De tal forma, podemos considerar significativa a ideia de compreender e respeitar o multiculturalismo qual toda a conjuntura global está situada. Este mecanismo de compreensão e validação de diferenças culturais pode ser um dos fatores que auxilie a comunidade global a manter manutenção da paz ao redor do mundo. 

Voltar