Voltar
Temas

Investir em Zeladoria do Município

A zeladoria do município é baseada no princípio da manutenção de áreas públicas. Atos como cuidar da manutenção do sistema viário, da rede de drenagem, limpeza urbana, vigilância sanitária e epidemiológica fazem parte desta premissa. 

Uma cidade com serviços de manutenção e revitalização constantes fomenta a visitação da população em áreas públicas de uso comum. Ao revitalizar estas, a prefeitura permite que o cidadão tenha uma experiência mais satisfatória ao frequentar localidades públicas, movimentando estas com um maior fluxo de pessoas e possibilitando uma maior segurança pública.

Uma zeladoria adequada permite que áreas urbanas públicas não entrem em estado de deterioração ou abandono, propiciando até mesmo uma maior segurança sanitária para o município.

Em termos práticos, é possível exemplificar o papel da zeladoria para, por exemplo, a prevenção contra casos de dengue. Ao garantir uma retirada de lixo adequada, aliada a um depósito de entulhos em locais apropriados, o município auxilia com que o Aedes não se prolifere em seu território.

Outros fatores relacionados com a zeladoria pública e com a proliferação da dengue são: limpeza de lixeiras públicas e bueiros e a manutenção da vegetação de praças e parques. 

Diversas medidas relacionadas com a zeladoria municipal foram implementadas em distintas localidades do país nos últimos anos. As constantes demandas e reivindicações da população pela conservação de espaços públicos (realizadas através das Ouvidorias locais) podem ser apontadas como fatores significativos para que estes serviços sejam mobilizados e agilizados.

 

A importância da Ouvidoria

A Ouvidoria Pública constitui um canal de intermédio entre o cidadão e o aparato público, registrando as manifestações locais acerca de políticas públicas. Este mecanismo funciona como uma ferramenta de participação popular dentro de prefeituras, uma vez que indica, à gestão pública, localidades e fatores problemáticos que causam apreensão à população. Uma série de instituições de caráter público usam este mecanismo para compreender e ajustar o processo de modernização de suas localidades. 

Uma Ouvidoria eficiente é capaz de recuperar e consolidar a imagem do serviço público oferecido pela prefeitura local. Municípios devem, constantemente, compreender as demandas negativas da população para alavancar mudanças que transformem o cotidiano da população.

As Ouvidorias Públicas são um instrumento da cidadania e serão pilares fundamentais de sustentação das democracias modernas. Devem trabalhar pela satisfação dos cidadãos, atuando como promotoras e agentes de mudanças em prol de uma gestão pública democrática, transparente, eficaz, participativa, ética e eficiente. 

Uma das organizações parceiras da Rede Juntos, o Colab, encaminha as queixas da população direto para a prefeitura através de um aplicativo. A ferramenta não tem custo e pode ser utilizada pela população das cidades que aderiram formalmente o app

 

São Paulo | Cidade Linda

A um nível nacional, uma das campanhas de zeladoria pública mais populares foi o São Paulo Cidade Linda, instituída em janeiro de 2017 pelo antigo prefeito da cidade, João Dória.

O objetivo do Cidade Linda, segundo a prefeitura local, era de revitalizar áreas degradadas da cidade de São Paulo. O projeto contava com ações práticas como a manutenção de logradouros, conservação de galerias e pavimentos, retiradas de faixas e cartazes, limpeza de monumentos, recuperação de praças e canteiros, poda de árvores, manutenção da iluminação pública, reparo de sinalização de transito, limpeza de pichações, troca de lixeiras e reparo de calçadas. 

Apesar de implementado, o projeto foi marcado por uma série de controvérsias mitigadas pelo governo quais mobilizaram parcela da sociedade civil a gerar críticas assertivas em relação à gestão da época.

1
Foto: Prefeitura de São Paulo.

Entretanto, a iniciativa envolta Cidade Linda aponta a necessidade de encarar a zeladoria do município como um esforço constante, que deve ser incessantemente realizado. Ao garantir com que a zeladoria municipal seja um trabalho ininterrupto que ultrapassa as barreiras de diferentes gestões, a prefeitura atesta que a manutenção de áreas públicas não torne-se obsoleta. Seguindo este aspecto de continuidade, a zeladoria local, então, passa a ter oportunidade de tomar um formato relevante e destacar a cidade como símbolo deste serviço público.

A capital paulista conta com o serviço de Ouvidoria SP 156, um serviço telefônico que registra reclamações da população a respeito de diversos temas, tais quais a zeladoria municipal. O SP 156 também conta com um aplicativo que realiza este mesmo procedimento. 

 

 

Voltar