Voltar
Desafio

Boas Práticas em Licenciamento Urbano

Uma vez atingidos os objetivos, deve-se padronizar os processos para estabelecer as boas práticas, evitar o reaparecimento do problema e manter o resultado alcançado. O parceiro técnico lança mão de duas ferramentas para padronização: o PGP e o POP. Estas duas ferramentas gerenciais são utilizadas pelo nosso parceiro técnico, a Falconi Consultores de Resultado.

O Padrão Gerencial do Processo (PGP) é o documento consensuado entre os vários executores das tarefas inclusas no processo. Esse padrão caracteriza a visualização da organização de um trabalho, apresentando a sequência lógica da execução das atividades e tarefas e seu desenvolvimento funcional e interfuncional. É representado através de fluxogramas.

O Procedimento Operacional Padrão (POP) é uma descrição detalhada de todas operações necessárias para realizar uma atividade, portanto, é o documento que representa uma tarefa. Deve ser desenvolvido por executores habilitados e conter todas as atividades necessárias para o desenvolvimento da tarefa. O objetivo é mapear as operações, mediante uma padronização, os resultados esperados por cada tarefa executada.

Os benefícios da padronização atingem desde a organização (prefeitura) até o grupo executor (servidores públicos) como indica a figura:

1

Figura: Benefícios da Padronização

Para Walter Françoso Petito, Secretário Municipal da Secretaria de Gestão e Controle de Campinas (SMGC), ao verificar o alcance dos resultados esperados é necessário repactuar metas e buscar outras melhorias para manter as pessoas engajadas e visar cada vez mais o aprimoramento do processo de licenciamento.

Veja também: Grupo de Estudos Estatísticos em TeresinaAcompanhamento de Processos de Licenciamento

Voltar